Análise final Killzone 3: O primeiro game dublado em portugues para PS3!


Killzone 3 chegou com a missão de ser o melhor jogo de tiro em primeira pessoa do Playstation 3. Seus antecessores tentaram ser o melhor FPS existente e falharam. Embora Killzone 3 ainda não tenha alcançado o status do melhor shooter lançado até hoje, ao menos para o PS3 ele é. O game ficou com ótimos gráficos e seguindo as tendências também roda em 3D.

A história não chega a empolgar nas 13 horas de game, mas em alguns momentos ela é intrigante e faz sentido ao propósito que é fugir. O jogo recomeça logo após o final de Killzone 2, Visari está morto e agora os soldados da ISA precisam urgentemente sair do planeta Helghan – esse é o enredo. Sendo assim assumimos o comando do Sargento T.Sevchencko e durante boa parte da rota de fuga contamos com ajuda do também Sargento R.Velasques tanto no modo campanha solo e campanha cooperativa. Os gráficos ficaram excelentes! A imersão dos campos de batalha, os tiros de várias direções (os felizardos do 3D) é uma loucura a sensação de combate. A inteligência artificial dos personagens é outro ponto positivo do game que funciona muito bem, os inimigos atacam o perigo mais próximo, não importando se somos nós ou a CPU. É possível continuar do mesmo ponto onde morremos, basta nosso companheiro prestar a assistência médica e pronto, estamos novamente em batalha – também fazemos o mesmo com Velasques.

Leiam esse parágrafo com atenção! Killzone 3 como todos sabem é o primeiro jogo de PS3 100% em português do Brasil ( sil..sil...sil..): dublagem e legendas! A dublagem em português, segundo alguns comentários maldosos do mundo gamer lembram muito novelas mexicanas. De fato lembram. Mas gera uma facilidade para jogar incrível! Nosso cérebro concentra-se apenas no foco do jogo, sem ter que concentrar nas falas em inglês ou nas legendas. Sem ser saudosista em pensar que a Sony lançou o game dublado porque preocupou-se com nós brasileiros e porque merecemos, e sim porque nosso mercado está fortalecido e não quer a pirataria aqui desenfreada como no PS2. Mas temos que parabenizar o empenho e atenção mesmo que tenham outros interesses envolvidos e que venham outras empresas e façam o mesmo!

O modo multiplayer funciona em uma praticidade absurda. Apenas uma vez todas as salas estavam ocupadas em várias horas que joguei no final de semana. Como de praxe é possível á medida que eliminamos adversários e completamos objetivos subir nosso nível de experiência e conquistar melhorias de armaduras, armas e habilidades secundárias. Os modos são os tradicionais de sempre, como todo jogo de tiro deveriam sempre introduzir novas modalidades. Killzone 3 é um jogo competente e obrigatório para os amantes de shooters aos gameiros casuais. Lembramos que para todas continuações esperamos algo mais, KZ3 é interessante mas não passou pela mesma evolução que Killzone 2. Quem sabe em KZ4?

Dica: Comprei o meu KZ3 pela CD universe, vi a dica no site do www.jogobarato.com , é só seguir o mini tutorial e realizar a compra mais barato. Abaixo o video de marketing da Sony entregando para quem adquiriu o game na pré-venda, assim como foi feito com Gran Turismo 5. Games do Dude sempre vai apoiar ações que facilitam o mundo gamer!


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

3 comentários:

tiago disse...

Jogasso, modo online de primeira, perco algumas horas jogando online

Diego disse...

Muito bom o jogo. E a dublagem não ficou ruim não. É mais mania de brasileiro em querer diminuir o que é nosso. Em inglês o diálogo tem os mesmos "defeitos". O caso é que na nossa língua eles ficam mais evidentes.

Dude Games disse...

Também não achei ruim, mas que lembra novela mexicana lembra. E claro que é otimo jogar na sua língua é outro ritmo o jogo. Tomar que L.A noire tenha ao menos legenda!

Postar um comentário